Produção reconhecida

11/6/2013 – 20:21h

O autor e ilustrador André Neves foi o vencedor do II Troféu Monteiro Lobato de Literatura Infantil. Desde 2012, a Revista Crescer premia o autor ou o ilustrador que mais se destacou no ano anterior com esse troféu. O pernambucano André Neves foi o grande vencedor desta edição.

De acordo com os promotores, a escolha não foi fácil. Todos os jurados do prêmio dos 30 Melhores Livros apontam uma pessoa e devem justificar o voto. Desta vez, o nome do autor e ilustrador André Neves saltou aos olhos com a produção marcante em 2012, com livros como “Malvina”, “Tom” e “Entre Nuvens”.

Histórias e poesia sobre futebol

10/6/2013 – 19:15h

Em comemoração à Copa das Confederações, o Setor de Coleções Especiais da Biblioteca Pública Estadual Luiz de Bessa, Circuito Cultural Praça da Liberdade, apresenta a exposição ‘Brasil: país do futebol-arte’. Entre os dias 10 e 28 de junho, segunda a sexta-feira, de 8 às 18h, o público poderá conferir uma diversidade de histórias e imagens sobre o futebol.
Entre os destaques da mostra estão livros de arte sobre o esporte, biografias de grandes jogadores como Pelé, Garrincha, Tostão e Dadá Maravilha, além de obras que falam da história do futebol mineiro. Ainda estarão expostas revistas, como a tradicional “O Cruzeiro”. A exposição também contará com um painel com gravuras, crônicas, poemas e músicas que marcaram o esporte no Brasil.

Exposição ‘A poesia do brasileiro’

Ainda na Biblioteca Estadual Luiz de Bessa está aberta a exposição ‘A poesia do brasileiro’. A mostra, que faz parte do projeto “Em Destaque”, também aborda a temática do futebol, expondo um acervo de livros sobre o esporte. Mais informações: (31)3269-1209

Local: Hall do Setor de Coleções Especiais – Biblioteca Pública Estadual Luiz de Bessa – Praça da Liberdade, 21 – 2º andar
Entrada Franca

Dez motivos para ler todos os dias

7/6/2013 – 19:48h

Uma das práticas que os jovens consideram mais entediantes é a leitura. Não é raro ouvir reclamações sobre a obrigatoriedade da leitura, mesmo que algumas histórias surpreendam por atrair o interesse. Contudo, estabelecer o hábito da leitura pode trazer diversos benefícios para a vida, tanto no mundo acadêmico quanto na carreira. Confira a seguir 10 motivos pelos quais você deveria ler boas histórias todos os dias:

1. Estímulo mental
O cérebro necessita treinamento para se manter forte e saudável e a leitura é uma ótima maneira de estimular a mente e mantê-la ativa. Além disso, estudos mostram que os estímulos mentais desaceleram o progresso de doenças como demência e Alzheimer.

2. Redução do estresse
Quando você se insere em uma nova história diferente da sua, os níveis de estresse que você viveu no dia são diminuídos radicalmente. Uma história bem escrita pode transportá-lo para uma nova realidade, o que vai distraí-lo dos problemas do momento.

3. Aumento do conhecimento
Tudo o que você lê é enviado para o seu cérebro com uma etiqueta de “novas informações”. Mesmo que elas não pareçam tão essenciais para você agora, em algum momento elas podem ajudá-lo, como em uma entrevista de emprego ou mesmo durante um debate em sala de aula.

4. Expansão de vocabulário
A leitura expõe você a novas palavras que inevitavelmente elas serão incluídas no seu vocabulário. Conhecer um número grande de palavras é importante porque permite que você seja mais articulado em seus discursos, de maneira que até mesmo a sua confiança será impulsionada.

5. Desenvolvimento da memória
Quando você lê um livro (especialmente os grandes) precisa se lembrar de todos os personagens, seus pontos de vista, o contexto em que cada um está inserido e todos os desvios que a história sofreu. A boa notícia é que você pode utilizar isso a seu favor, fazendo dos livros um treino para a sua memória. Guardar essa quantidade de informações faz com que você esteja mais apto para se lembrar de eventos cotidianos.

6. Habilidade de pensamento crítico
Já leu um livro que prometia um mistério confuso e acabou por desvendá-lo antes mesmo do meio da história? Isso mostra a sua agilidade de pensamento e suas habilidades de pensamento crítico. Esse tipo de talento também é desenvolvido por meio da leitura. Portanto, quanto mais você lê, mais aumenta sua habilidade de estabelecer conexões.

7. Aumento de foco e concentração
O mundo agitado de hoje faz com que sua atenção seja dividida em várias partes, de modo que manter-se concentrado em apenas uma tarefa torna-se um desafio. Contudo, livros com histórias envolventes são capazes de desligar você do mundo ao redor, fazendo com que sua atenção esteja inteiramente voltada para o que acontece na trama. Embora você não perceba, esse tipo de exercício ajuda você a se concentrar em outras ocasiões, como quando precisa finalizar um projeto urgente.

8. Habilidades de escrita
Esse tipo de habilidade anda lado a lado com a expansão do seu vocabulário. Assim como a leitura permite a você ser alguém mais articulado na fala, também vai ajuda-lo a colocar com mais clareza os seus pensamentos no papel. Isso vai dar a você a chance de produzir textos com mais qualidade, não apenas de vocabulário, como também correção gramatical e ideias mais ricas.

9. Tranquilidade
O fato de envolver você em uma história e livrá-lo do estresse cotidiano faz do livro uma ótima ferramenta para alcançar a paz interior. Nos momentos de estresse, procure se distrair do que acontece com uma história que atrai seu interesse. Isso vai acalmá-lo e ajudá-lo a melhorar seu humor.

10. Entretenimento a baixo custo
Muitas pessoas acreditam que o conceito de diversão está diretamente ligado aos altos custos de uma viagem ou mesmo de uma festa. Contudo, se você encontrar um livro que chame a sua atenção, poderá viajar sem sair da sua casa.

Fonte: Universia

Paula Pimenta, a preferida dos jovens

5/6/2013 – 21:36h

Sábado, dia 8, não dá para perder a oportunidade de um encontro com a escritora Paula Pimenta e da aquisição do seu mais recente livro.

Para os milhares de jovens que conhecem a história, basta contar que na 2ª temporada de “Minha vida fora de série”, Priscila, agora com 16 anos, começa a lidar com questões mais sérias da adolescência. A proximidade do vestibular e com ele todos os receios dessa fase, amizades que parecem sólidas e que, de repente, se perdem, o aprendizado de que um namoro tem que ser constantemente cuidado para não se desgastar. Ela descobre que atos sem pensar, que parecem estar esquecidos no passado, podem marcar irreversivelmente o presente.

O lançamento de “Minha vida fora de série 2ª Temporadaestá previsto para começar às 15:00h, de sábado, na FNAC, do BH Shopping, com bate-papo, sessão de autógrafos por ordem de senha e um breve show com a banda No Voice.

Ontem, dia 4/6, a Editora Gutenberg lançou “Confissão”, o primeiro livro lançado por Paula Pimenta, em 2001, e já estava esgotado há algum tempo. A obra, que apresenta poemas escritos pela autora desde a sua adolescência recebeu uma nova edição pela editora Gutenberg. Paula ampliou um pouco o livro original, acrescentando alguns novos poemas e incluindo alguns que anteriormente havia “emprestado” para os seus personagens Fani, de “Fazendo meu filme”, e o Rodrigo, de “Minha vida fora de série”.

Um trecho do poema que deu nome ao livro:

“Ah, se você pudesse me amar, eu sei que só ia dar certo, que a gente ia esquecer todo o resto e viver só de gostar”.


Salão do Livro para crianças e jovens

3/6/2013 – 19:45h

O 15º Salão FNLIJ do Livro para Crianças e Jovens este ano vai ser realizado de de 5 a 16 de junho, no Centro de Convenções SulAmérica, no Rio de Janeiro. O evento, patrocinado pela Petrobras, desde 2001 e com apoio da Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Educação, promove o 15º Seminário FNLIJ Bartolomeu Campos de Queirós, encontros com escritores, lançamentos de títulos, performances de ilustradores e palestras com autores e especialistas. O Salão FNLIJ conta com quatro bibliotecas específicas para cada público, além do Espaço de Leitura e do Espaço do Ilustrador. Enfim, é um grande momento no Brasil para a literatura infantil.

O país homenageado desta edição é a Colômbia. O salão vai receber escritores, ilustradores e especialistas, que traçarão um panorama da literatura infantil e juvenil colombiana. Há alguns anos o Salão FNLIJ do Livro para Crianças e Jovens presta uma homenagem a um diferente país. Os países já homenageados foram: França, em 2001; Cuba, em 2002; Alemanha, em 2006; Suécia, em 2007; Itália, em 2008; França, em 2009; Coreia do Sul, em 2010; países da CPLP, em 2011 e México, em 2012.

2013 é a vez da Colômbia e o evento vai receber também escritores e ilustradores deste país. Eles participarão do 15º Seminário FNLIJ Bartolomeu Campos de Queirós, quando apresentarão um panorama da literatura colombiana para crianças e jovens, além de exposições de livros infantis e ilustrações de artistas colombianos no estande do país homenageado, proporcionando um intercâmbio cultural entre Colômbia e Brasil.

Junto com o salão acontecerão vários eventos paralelos, entre eles, no dia 5, de 9:00 às 13:00h, o 4° Encontro Nacional do Varejo do Livro Infantil e Juvenil. No momento da transição e expansão de conteúdos para os e-books, é preciso empreender novas ações para a comercialização nas pequenas e médias livrarias. Pesquisas revelam o crescimento dos cybers nas lojas. Nesse dia estarão reunidos representantes de associações e livrarias para discutir sobre o papel das livrarias na formação de leitores e o crescimento e a comercialização dos e-books nas livrarias.

No site do evento, é possível acessar a programação completa, os demais eventos paralelos, conhecer os lançamentos dos livros infantis e a relação de todos os escritores convidados: http://www.salaofnlij.org.br/salaofnlij/

Congresso sobre o livro digital

2/6/2013 – 21:42h

A autora e ilustradora Angela Lago vai abordar o Livro Digital Infantil ao lado de Marisa Lajolo.

A mineira Angela Lago leva sua experiência para o principal evento sobre literatura e tecnologia realizado no Brasil – Foto: Blog Santiago Régis

Para apresentar os novos horizontes do segmento digital, a Câmara Brasileira do Livro (CBL) realizará o 4° Congresso Internacional CBL do Livro Digital, nos dias 13 e 14 de junho de 2013, no Centro Fecomercio de Eventos, em São Paulo. O tema será “O Livro Além do Livro” e suas palestras abordarão assuntos como o papel do livro digital na educação, o limite entre os games e os livros digitais infantis, a influência do livro digital na leitura e o livro nas redes sociais.

Entre os nomes do Brasil, o Congresso contará com a presença de Lúcia Santaella e Patricia Konder Lins e Silva no painel “O livro digital e sua influência no aprendizado”. Para o debate sobre o livro digital e seu papel para atrair os jovens na literatura, está confirmado o nome de Toni Brandão, um dos poucos autores multimídia do Brasil. Deonísio da Silva, escritor e professor universitário, também marcará presença para conversar sobre o livro digital na universidade. A autora e ilustradora Angela-Lago vai abordar o Livro Digital Infantil ao lado de Marisa Lajolo.

Entre os convidados internacionais, estão confirmados Rainer Just, o novo Presidente da International Federation of Reproduction Rights Organizations (IFRRO), Victoriano Colozon e Magdalena Vincent, Presidente do Centro Espanhol de Direitos Reprográficos (CEDRO, na sigla espanhola). O trio irá discorrer sobre a evolução dos direitos autorais digitais. O espanhol Javier Celaya, vice-presidente da Associação de Revistas Digitais Espanholas, para falar sobre à os desafios das pequenas e médias livrarias no mundo do livro digital. David Langridge, diretor sênior de desenvolvimento de parcerias da Microsoft, dará foco à educação na era digital e Harald Henzler, CEO da Smart Digits, tratará dos desafios que as editoras estão enfrentando no mercado digital.
Abaixo, a programação completa do evento.
Mais informações sobre o Congresso:

digital@cbl.org.brwww.congressodolivrodigital.com.br