Uma bela surpresa

4/3/2014 – 21:59h

Para nós que curtimos literatura e incentivamos adultos e crianças para a leitura e apreciação de histórias, o desfile da Escola do Grupo Especial do Rio, União da Ilha do Governador, na noite da segunda-feira de Carnaval, merece um registro especial.

Assistimos a 3800 integrantes distribuídos em 32 alas homenagearem a infância e remeterem à memória de personagens, brinquedos e brincadeiras que vêm passando de geração em geração.

O enredo da escola “É brinquedo, é brincadeira, a Ilha vai levantar poeira” nitidamente empolgou o público. Com uma samba fácil de cantar, a cada ala que surgia na avenida era uma surpresa, uma lembrança da infância, que mexia com quem estava nas arquibancadas e certamente com quem ficou diante da TV.

As alas foram ordenadas na ordem cronológica do amadurecimento e mostraram soldadinhos, cavalinhos de pau, bailarinas, bonecos de mola e de porcelana, bonecas japonesas e russas, ursos de pelúcia, palhaços, caixas de música, dados, dominós, bolas, videogames e outros brinquedos apresentados nas fantasias leves, muito coloridas e divertidas, além dos destaques dos 7 carros alegóricos.

O samba-enredo é um convite para aderir à brincadeira. A seguir, reproduzimos um trecho com o qual compartilhamos diariamente:

“Hoje a ilha vem brincar, amor!
Vem sorrindo cirandar que eu vou
Dar meia volta, volta e meia no seu coração
Ser criança não é brinquedo não!

Levanta a poeira,
Vem nessa brincadeira que eu quero ver
Nesse baú da memória,
São tantas histórias…  É só escolher
Desperta, encanta sua alma de infância
Sem forma nem cor fabrica esperança
Na vitrine vejo o meu olhar no seu olhar
Perder ou ganhar, ganhar ou perder
Se conectar, jogar e aprender
Um super-herói pode ser você

Vem no reino da ilusão, me dê a sua mão
E pegue na estante, um livro fascinante
Personagens da imaginação (é tão bom, é tão bom)”.