São Paulo inspira leitores

23/1/2015 – 20:01h

A Editora FTD tem sugestões para aqueles, especialmente paulistas, que estão sempre em busca de oportunidades para estimular a leitura. Vejam só que ideia legal para este período de férias: um roteiro literário para celebrar o aniversário de 461 anos de São Paulo, no próximo domingo, dia 25.

A editora indica alguns de seus livros, cujas histórias ou personagens, passam por lugares conhecidos da cidade. Quem conhece o local e mora (ou não) na cidade tem mais um motivo pra curtir. Quem é de outra cidade, ainda aproveita a leitura dos livros para conhecer um pouco mais da terra da garoa. E se tem  alguém planejando férias ainda pode reunir as duas coisas: livros e turismo.

Algumas das sugestões da editora:

Parque do Ibirapuera

Em meio à agitação paulista, o Parque Ibirapuera é uma excelente opção para quem quer relaxar ou praticar atividades físicas. Além disso, é o espaço ideal para se divertir com as crianças perto da natureza. “Brinquedos e Brincadeiras”, de Roseana Murray, pode servir de guia para atividades super divertidas. A obra reúne poemas sobre cabra-cega, amarelinha e pular corda, entre outras.

O parque também abriga o Museu Afro Brasil, que conta com um acervo de mais de 5 mil obras da cultura africana e afro-brasileira. Mas antes de visitá-lo, vale a pena conferir o livro Histórias Africanas, de Ana Maria Machado, para entrar no clima. A renomada autora reconta quatro histórias que revelam um pouco da riqueza cultural dos povos africanos.

Museu da Língua Portuguesa

Amantes ou não do nosso idioma, o Museu da Língua Portuguesa não deveria faltar no roteiro de nenhum morador da cidade ou visitante. O espaço traz uma proposta diferente e interativa que agrada a todas as idades. Por isso, a dica é o lançamento de “A namorada de Camões”, de Márcia Kupstas.

Bairro da Liberdade

Exemplo claro da diversidade de São Paulo é o Bairro da Liberdade conhecido como o maior reduto da comunidade japonesa na cidade. A decoração oriental e o comércio dão a impressão de que de fato se está em outro país. E uma boa opção de leitura para o trajeto até lá é “O Pequeno Samurai”, de André Kondo. Na obra, Yuji narra como descobriu, com a ajuda de seu avô, que era um pequeno samurai, e como isso o ajudou em sua longa jornada rumo ao Brasil. De forma sensível e emocionante, o menino descreve como foi a despedida de sua terra natal, a aventura de viajar de navio até o outro lado do mundo e a descoberta de que no Brasil também existiam samurais.

Museu do Futebol

Parada obrigatória para os amantes de esporte, o Museu do Futebol tem atrações multimídia e interativas que contagiam qualquer um. E a sugestões da FTD, neste caso, é o livro “Quadradomingo”, de Flavio de Souza, que retrata o esporte a partir do personagem Mingo, um garoto que gosta tanto de futebol que até criou um dicionário terminológico futebolístico, apresentado ao longo da narrativa.