Livros lançados recentemente

untitled ppSão muitos os títulos que chegam semanalmente às livrarias ou são vendidos através dos sites das próprias editoras. Apresentamos alguns lançamentos que podem se transformar num bom presente de Natal. Criança adora história!

 

 

Editora Franco – “A noite chegou e o sono não vem”

A noite chegou... e o sono não vem (1)

O novo livro infantil de Ana Rapha Nunes aborda a importância das histórias na infância. Contar uma história é partilhar algo. A obra apresenta o universo infantil e a imaginação, algo tão aflorado nessa fase. Além disso, valoriza a importância das histórias antes de dormir, o que seria um primeiro contato das crianças com a literatura.

Um pouco de conhecimento, de tempo, de ternura. Um caldeirão de sentimentos que se misturam nesse momento em que pais e filhos ficam presos ao fio imaginário de uma história. Quem não se lembra de uma bela fábula contada pelos pais antes de dormir? Ou daquela história de família contada pelo avô em sua cabeceira na mesa? Ou ainda daquela história de terror contada pelos primos mais velhos ao redor de uma fogueira na praia? Ou então aquela história cheia de magia contada pela professora que se fantasiava de bruxa?

As histórias são carregadas de sentimentos e saberes, lembrados ao longo do tempo. É na infância que se começa esse processo de apaixonar-se pelos livros e pelas histórias. Dessa forma, o novo livro da escritora infanto-juvenil Ana Rapha Nunes, “A noite chegou… e o sono não vem”, mostra um hábito que vem sendo esquecido: contar histórias para as crianças antes de dormir. Tal ato aproxima pais e filhos, e ainda estimula a leitura desde a tenra infância.

Editora Paulus “Vamos rezar juntos?”

vamos-rezar-juntos_capa 2

Obra apresenta às crianças as orações mais tradicionais da Igreja Católica. “Vamos rezar juntos” é uma proposta para iniciantes na vida cristã. O autor Rogério Bellini apresenta, de forma lúdica, as orações mais conhecidas dos cristãos: Ave-Maria, Pai-Nosso, Santo Anjo do Senhor, Glória ao Pai, Creio, Salve-Rainha, entre outras.

Além de orações, o autor oferece atividades com textos e imagens para recortar e montar – tudo de acordo com o tema abordado. Cada oração vem acompanhada de uma ilustração, representando passo a passo o que pode ser o momento oracional para a criança. As atividades podem ser opções para trabalhar durante a catequese ou até mesmo em casa, entre as crianças e seus cuidadores.

Você já escolheu uma forma carinhosa para se referir a Deus? Sabe por que a gente termina uma oração com a palavra “amém”? Essas e outras questões são abordadas no livro, com o intuito de provocar uma reflexão e, consequentemente, introduzir o hábito da oração na vida das crianças. O autor diz que a oração é um encontro amoroso com Deus e, por isso, deve ser simples – porque Deus é simples e se manifesta na simplicidade de cada gesto –, sincera – afinal, Deus conhece o íntimo do coração de cada um – e cheia de amor – porque Deus é Amor e, para entrar em contato com Ele, é preciso ter disposição amá-Lo e receber de volta esse amor.

Editora Escrita Fina: “Porco de casa cachorro é”

b42ea12a-6856-4e2a-97d3-122a365ab758O livro de Mirna Brasil Portella conta a história do porco Curico e do tímido Odorico. Curico é sociável e adora rua. Odorico gosta mesmo é de ficar sozinho. Mas, juntos, o menino e seu bicho de estimação vão viver aventuras que irão mudar a vida dos dois.  Com texto leve e ilustrações delicadas, Mirna Portella também assina as imagens do livro.

A autora desenha o cotidiano delicioso e livre de quem ainda pode correr com os pés descalços no chão de terra, pegar fruta no pé e catar minhoca para pescar. Um lugar onde, apesar dessa enorme alegria, também há espaço para a tristeza e para a solidão — desde que, no fim da tarde, dê tempo de ir para a rua encontrar os amigos com um sorriso de lua no rosto.

 

image033“Histórias em quadrinhas”

Mario Bag tem em seu currículo mais de quinze anos dedicados à criação de capas de disco para o mercado fonográfica e foi o primeiro ilustrador da revista Ciência Hoje das Crianças, e emHistórias em quadrinhas”, ele usa a lógica das trovas populares para narrar situações inusitadas, adoravelmente tresloucadas. São versos e ilustrações para soltar o riso.

O que acontece quando uma mariposa, que vive exilada no telhado, se apaixona por um pintor? Quando o caracol pede a namorada em noivada? E o jacaré, malandro, tenta convencer alguém de que é vegetariano? “Quadrinhas”, afinal, são trovas simples, em geral inventadas pelo povo, com quatro versos. São um tipo de criação que faz parte da cultura popular brasileira. Revelam a enorme criatividade e capacidade de improviso do povo brasileiro, assim como o bom humor que faz troça mesmo das situações adversas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *