“Miló, o gatinho que não fazia miau”

Miló em breve

O livro infantil que apresentamos hoje é uma produção independente do escritor Alexandre da Fonseca Cesário, mineiro da cidade de Bom Despacho. “Miló, o gatinho que não fazia miau” foi lançado na Biblioteca Pública da cidade com a presença de estudantes e professores da rede municipal de ensino.

A história escrita por Alexandre Cesário é muito interessante e bem ilustrada por Vinícius César, que também é de Bom Despacho. Em 23páginas eles contam as aventuras de Miló, que desejava fazer amizades com outros bichos e não conseguia. Nenhum bicho que se aproximava dele, permanecia ao seu lado. O gatinho não entendia o motivo da rejeição.

“Andava sozinho com os olhos bem abertos, o rabinho em pé e o coração apertado”…

“Rolava sempre no chão, debaixo daquela árvore gigante na beira da estrada, onde o vento levantava poeira e trazia esperanças”.

O primeiro que apareceu por aquelas bandas foi uma cachorrinha.

“Os dois começaram a rolar entre as folhas secas no chão. Miló quase explodia de tanta felicidade! A cachorrinha suja de terra latiu alto. Foi quando Miló deu alguns passos para trás e latiu baixinho. Neste momento, a cachorrinha ficou surpresa com o latido do gatinho e saiu correndo… Aquela amizade durara pouco”.

Mas não foi a única. Depois da cachorrinha veio o pato. Mas na hora que a ave fez quá, quá, quá e viu Miló repetir o mesmo, ela também foi embora, deixando o gatinho triste novamente.

O mesmo aconteceu após o ronc, ronc, ronc de um porquinho de rabinho em forma de biscoito e do béééé, béééé, béééé de um bezerrinho branco que também correram de Miló.

Por que todos fugiam dele?

Certa noite, ele foi surpreendido com a chegada de cinco gatinhos que miavam desesperadamente. Com os bichanos ele descobriu algo importante.

Mas essa não é a única surpresa do final dessa história. Miló ainda descobriu outra coisa, que o leitor vai gostar de saber ao ler o livro, que está registrado na Biblioteca Nacional. O preço é R$20,00 mais o frete e pode ser solicitado pelo telefone 37 99923-0777 ou pelo email: institutoeuqueropaz@yahoo.com.br.

Alexandre da Fonseca Cesário já lançou outros 9 livros infantis. O escritor é diretor do Instituto “Eu quero paz”, membro fundador da Academia Bom-Despachense de Letras, bacharel em serviço social, pós-graduado em educação especial e inclusiva.

O escritor Alexandre da Fonseca Cesário no lançamento do livro na Biblioteca Pública de Bom Despacho com estudantes e professores da rede municipal de ensino

O escritor Alexandre da Fonseca Cesário no lançamento do livro na Biblioteca Pública de Bom Despacho com estudantes e professoras da rede municipal de ensino

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *