“Cumarim, a pimenta do reino”

Para fechar o mês da criança, o Instituto Brincante e a FTD Educação realizam uma programação especial para o lançamento de livro infantil, que ao final convida para o tradicional evento Sambada.

Um presente de uma avó para a neta em forma de peça de teatro. Assim nasceu a história que dá nome ao livro que a FTD Educação e o Instituto Brincante lançam no mês das crianças, dias 27 e 28 de outubro, às 15: 30h, na sede Instituto Brincante (Rua Purpurina, 412, Vila Madalena, São Paulo, com a presença da autora Rosane Almeida e Antônio Nóbrega.

“Cumarim, a pimenta do reino”, escrito pela artista Rosane Almeida, é o primeiro livro da coleção Instituto Brincante e narra a história de uma menina curiosa e falante que adora brincar de roda de versos. Entre uma brincadeira e outra, ela descobre a importância de usar as palavras da forma certa.

A Sambada Brincante é uma festa artística e cultural, informal, com música e dança, onde cada participante demonstra o seu trabalho, voltada para toda a família. Constitui-se de esquetes, encontros para apresentação de trabalhos em processo de construção, performances artísticas, rodas de improviso. Este ano, a Sambada contou com o apoio da Secretaria Municipal de Cultura.

Segundo a autora, a ideia da peça surgiu para presentear a neta, então com cinco anos, que era muito conversadeira. De lá para cá, o texto foi encenado, com direção de Charles Razzi, e agora, por meio de um convite da FTD, foi adaptado por Rosane para as páginas de um livro infantil. “Foi uma experiência muito nova para mim, foi um grande desafio transformar um texto conciso em uma narrativa maior. Foi muito interessante mesclar duas linguagens: a da cultura popular e a de um livro impresso, que é riquíssimo.”, diz Rosane.

Cumarim é uma menina brincalhona, que, quando começou a falar, não parou mais de fazer perguntas, inventar respostas para tudo, rimar versos, cantarolar e produzir sons batucando em tudo o que encontrava pela frente. Certo dia, ela aterrissa no Reino da Palavra, onde conhece uma poderosa rainha que a ensina uma lição para a vida toda.

A narrativa, ilustrada pelo jovem artista Willian Santiago, é entremeada com as mais diversas brincadeiras da tradição da cultura brasileira. São brincadeiras de rua, de roda e de palavras passadas de geração em geração. As cantigas, sextilhas, trava-línguas e adivinhas presentes no livro, inspiradas nas atividades realizadas no Instituto Brincante, tornam a leitura ainda mais lúdica. A obra traz ainda um QR code, no qual o leitor pode acessar vídeos que reproduzem as brincadeiras descritas ao longo da história.

“A coleção surge pela união de dois trabalhos direcionados para a transformação do ser humano por meio da Educação e da valorização da cultura popular como uma ferramenta desse processo”, diz Isabel Lopes Coelho, gerente de Projetos Especiais e Literatura da FTD Educação. “Muito nos encanta a possibilidade de abrir mais uma frente de trabalho para aprimoramento do sensível por meio de uma coleção de livros. Uma coleção que, esperamos, possa colaborar na vivência e no entendimento de um mundo que carece de uma relação mais harmoniosa entre o passado e o presente, a técnica e a natureza, a tradição e a modernidade”, diz Antonio Nóbrega, ator e fundador do Instituto Brincante.

A autora

Rosane Almeida nasceu em Curitiba (PR) e estudou Arte Circense no Circo Escola Picadeiro, na cidade de São Paulo, entre 1983 e 1993. Cursou também a Escola Superior das Artes do Circo, em Châlons-sur-Marne, na França, e a Scuola Teatro Dimitri, em Verscio, Suíça. De volta ao Brasil, dedicou-se aos estudos de dança, teatro e música, numa constante investigação das manifestações populares brasileiras. Em 2004, criou o solo em A mais bela história de Adeodata, espetáculo que lhe rendeu a publicação de um livro homônimo pela editora Salamandra. Em 1992, ao lado do músico Antônio Nóbrega, criou o Brincante, com sede em São Paulo. Desde então, atua como diretora artística e pedagógica do instituto.

O ilustrador

Willian Santiago nasceu em Cornélio Procópio (PR), em 1990, e vive em Londrina (PR). É formado em design gráfico pela Universidade Estadual de Londrina. Trabalhou com branding (criação de marca) no mercado de moda e beleza em campanhas para diversas marcas, como Natura, Havaianas e VSCO. Seus desenhos já estiveram nas páginas de diversas revistas do país, como Época, Superinteressante e Galileu. Em 2017, ganhou o prêmio Jabuti de Melhor Ilustração para Livro Infantil Digital, com a obra O sétimo gato, primeiro conto infantil do escritor Luis Fernando Verissimo (Projeto Kidsbook).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *