Salão do Livro começa hoje

20767904_10155157910408052_7252982765230830987_n

(Com Câmara Mineira do Livro)

Nesta terça-feira, 15/8, feriado da Padroeira de Belo Horizonte Nossa Senhora da Boa Viagem, começa o Salão do Livro Infantil e Juvenil de Minas Gerais com a novidade de ser realizado no Parque Municipal, até o dia 20/8, bem no centro da cidade.

Uma das grandes vantagens do Salão estar acontecendo bem no coração de Belo Horizonte é que é muito fácil para qualquer um ir e vir e a entrada para o Salão e todas as atrações são inteiramente gratuitas. Só não participa quem não quiser.  As inscrições das oficinas e a distribuição dos ingressos dos eventos no Teatro Francisco Nunes serão feitas na secretaria do evento, uma hora antes do evento.

A presidente da Câmara Mineira do Livro, Rosana Mont’Alverne, explica que serão realizadas as 3ª e 4ª edições conjuntas do evento. “Em 2015, olho do furacão da crise política, econômica e social do país, foi impossível realizá-lo; por isso esta edição ampliada abrangendo as programações de duas edições”.

2015 e 2016 foram anos difíceis para o mercado editorial. Dados das principais pesquisas do país indicavam uma retração forte do setor, bem maior do que a retração do PIB do mesmo período. Mas 2017 começou de maneira diferente. Desde abril, a pesquisa do Sindicato Nacional dos Editores de Livros (SNEL) e da Nielsen, que monitora o mercado de livros no Brasil, Painel das Vendas de Livros no Brasil, indica que o setor tem apresentado uma ligeira recuperação retomando os números de 2015.

Em 2017, a pesquisa Painel de Vendas do Brasil, que é mensal, indicou que o desempenho do varejo foi superior ao mesmo período de 2016, nos últimos seis meses.  No ano, o varejo de livros já acumula R$ 823.064.680,78 em vendas. Essa cifra representa aumento de 6,81% na comparação com as 24 primeiras semanas de 2016.

É neste cenário que o Salão do Livro Infantil e Juvenil de Minas Gerais volta a acontecer. Com a expectativa de mais de 100 mil visitantes, além da visitação escolar promovida pela Secretaria de Educação do Estado e a Secretaria de Educação do Município, a participação de mais de vinte e cinco expositores, o que se espera é que o salão aproveite o momento de crescimento para aquecer as vendas de livros em Minas Gerais.

Uma das líderes do setor de literatura infantil em Minas, Rosana Mont´Alverne preside a Câmara Mineira do Livro, que está realizando o Salão do Livro de 2017
Uma das líderes do setor de literatura infantil em Minas, Rosana Mont´Alverne preside a Câmara Mineira do Livro, que está realizando o Salão do Livro de 2017

A programação

Segundo Rosana Mont´Alverne, “o principal objetivo do Salão do Livro Infantil e Juvenil de Minas Gerais é promover o livro, a leitura e a literatura como fontes de formação e prazer intelectual e como caminho de emancipação cidadã de crianças e jovens. A programação prevê atividades que vão permitir o conhecimento, a reflexão e o debate sobre texto, ilustração, produção editorial, mediação de leitura, novas mídias e experiências de democratização do acesso ao livro, o encantamento literário e o desejo da leitura.”

A programação pode ser acessada no link http://www.salaodolivro.com.br/programacao-por-dia

As atrações acontecerão paralelamente à feira de expositores. Serão mais de 25 expositores que representam mais de duzentas editoras diferentes. Estarão presentes grandes editoras nacionais como a Cia.das Letras, Record, Ática ou Rocco; tradicionais editoras mineiras de porte variado como a Lê, Miguilim, Autêntica; Aletria, Mazza ou Dimensão e até editoras novas ou independentes como Cora, Viajante do Tempo e Cuca Fresca.

No Teatro Francisco Nunes, teremos espetáculos e bate-papos com convidados com os temas diversos, parte da programação preparada pelo curador do evento Leo Cunha. Uma parceria com o SESC levará a Mostra Literária Paulo Leminski, que homenageia o poeta ao apresentar alguns de seus versos ilustrados pelo artista Fabio Dudas.

Oferecido pelo SESC, o Palco de Histórias será espaço para apresentação de grandes artistas da Literatura Oral e os jovens poderão participar de vária oficinas no Rede Social: espaço jovem.  No espaço Leitura em Conexão, fruto da parceira com a SMED, acontecerá o Encontro Marcadinho e permitirá aos leitores o contado direto com autores, que lerão trechos de suas obras, além é claro, de vários lançamentos que acontecerão no espaço dos expositores.

Marilda Castanha, a homenageada do Salão do Livro
Marilda Castanha, a homenageada do Salão
Imagem-símbolo que a ilustradora homenageada criou para o evento
Imagem criada para simbolizar o evento

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A homenageada

Marilda Castanha foi escolhida para ser a grande homenageada do Salão do Livro. Uma exposição com trabalhos dela ficará montada para que todos possam conhecer a ilustradora que tem recebidos prêmios nacionais e internacionais. Foi ela também que criou uma imagem-símbolo do evento e explica sua obra: “Esta imagem é para mim a versão (amalucada) de um leitor apaixonado por livros. Tem olhos por todo o corpo e só duas mãos não bastariam para segurar tudo o que lê (ou que quer ler). Aí deu este “bicho” estranho! Mas com uma carinha pra lá de boa, como todo leitor quando lê um bom livro, não é mesmo?”

Marilda Castanha é natural de Belo Horizonte, onde estudou Belas Artes na Universidade Federal de Minas Gerais. Ela começou a ilustrar livros infantis no final dos anos de 1980. Em 1997, participou de um Seminário de Ilustração na Bratislava (capital da Eslováquia). Ilustrou vários autores, participou de exposições e, em 2000, ganhou o prêmio “Runner Up” Japão), “Prix Octogone” (Paris) e “Jabuti” pela ilustração do livro “Pindorama, terra das palmeiras”. Em 2011, ganhou novamente o Prêmio Jabuti com o livro “Mil e uma estrelas”. Também participou de várias mostras da exposição “Le Immagini della Fantasia”, em Sármede, norte da Itália.

Este ano, ela ganhou o “Nami Concours 2017”, um concurso internacional que, a cada dois anos, seleciona e premia os maiores expoentes dos livros ilustrados do mundo. Marilda Castanha participou do concurso com o livro de imagens “Sem fim”, Editora Positivo. A ilustradora mora na cidade mineira de Santa Luzia com o marido Nelson Cruz, que também é ilustrador, e seus dois filhos.

Salão do Livro Infantil e Juvenil de Minas Gerais (3ª e 4ª edições conjuntas)

Data: 15 a 20 de agosto

Horário: quarta a sexta, de 8h30 às 20h; feriado, sábado e domingo: 9h às 20h

Local: Parque Municipal Américo Renné Giannetti (Av. Afonso Pena, 1377, Centro – Belo Horizonte)

Informações: www.salaodolivro.com.br ou (31) 3241-2177

Entrada Gratuita

Continue lendo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *