Pesquisa: livros interativos para crianças em casa

Conheça, aqui, títulos da Editora Catapulta que podem divertir e ensinar crianças durante e depois do isolamento social. Há opções para colorir, aprender a cozinhar e até produzir animais bem fofinhos.

Livros interativos e lúdicos ajudam a entreter as crianças que estão em casa, especialmente, as que moram em Minas Gerais, Paraíba e São Paulo, alguns dos Estados que suspenderam as aulas em escolas públicas e privadas. Dessa forma, é importante pensar em opções interessantes e adequadas de entretenimento para elas. Cenários lúdicas, livros para colorir e títulos sensitivos estão entre os que mais divertem as crianças. Além disso, há os livros práticos, que ensinam a cozinhar, desenhar e até produzir animais fofinhos.

Confira algumas opções para diferentes faixas etárias:

De 0 a 4 anos

Coleção Milomania – a coleção é composta por três título: “Cores”, “Animais” e “Opostos”. Os livros foram baseados em desenhos do artista argentino Milo Lockett e apresentam ilustrações cartonadas. As obras têm o objetivo de estimular a memória e imaginação das crianças pequenas, que podem sentir as figuras ao passar o dedinho.

Coleção Toque e escute – três livros compõem essa coleção: “A fazenda”, “A floresta” e “Os pets”. Ao tocar em cada parte dos animais nas páginas, os pequenos irão ouvir sons característicos de cada um deles, além de sentir a textura dos pelinhos de cada animalzinho.

“Mãos à arte” – o livro une giz de cera e cenários coloridos para ensinar as crianças desenharem com as mãos. Com o título, os pequenos podem soltar a criatividade e imaginação, enquanto aprimoram a coordenação motora.

Coleção Arty Mouse – ao todo, são nove títulos com compõe esta coleção, entre atividades com giz, massinha e para escrever e apagar. Arty e seus amigos irão divertir as crianças enquanto elas exploram a criatividade, aprimoram o desenvolvimento cognitivo e a coordenação motora.

 

De 5 a 8 anos

Coleção Abremente Desafios – um dos mais recentes lançamentos da Catapulta Editores, os oito livros com desafios incorporam a coleção que já vendeu mais de 50 milhões de cópias pelo mundo. As obras “Abremente Desafios” oferecem atividades para crianças a partir de três anos, mas, entre cinco e oito anos, são quatro títulos. Eles têm formato de sorvete e oferecem 128 páginas, em leque, com inúmeras atividades.

“Gatinhos de Pompom” – que tal fazer o próprio brinquedo? Com este livro, as crianças podem criar o animalzinho em lã de diversas formas. São 52 páginas com exemplos e modelos que ensinam como montar a mascote, enrolar os fios no aparelho e customizar cada peça.

“Chef Mirim” – ficou ainda mais fácil para as crianças aprenderem sobre culinária. O livro “Chef Mirim” incentiva os pequenos, de maneira lúdica, a cozinhar 12 receitas incríveis com bastante diversão e segurança. Com receitas de diversos lugares do mundo, o livro de 64 páginas é acompanhado de pão duro (espátula), colher de pau, rolo de macarrão, batedor de metal e forma de tortinha.

“O aviãozinho” – Enxergar as diferenças no próximo pode dizer muito de si mesmo! Em um dos mais recentes lançamentos da Catapulta Editores, as crianças serão apresentadas umas às outras muito diferentes e semelhantes ao mesmo tempo. A grande diversão será observar os cenários coloridos e onde o pequeno avião irá parar.

“Lanternas de papel” – o livro mistura brincadeira, decoração e artes manuais. As crianças poderão criar lanternas divertidas para decorar seu cantinho preferido. Além de incentivar a criatividade dos pequenos, a obra é indicada para trabalhar a coordenação motora e conta com 21 opções de montagem.

“O pequeno príncipe” – a história de Antoine de Saint-Exupéry é contada em um livro recheado de ilustrações. O olhar meigo do Pequeno Príncipe também passou para as peças de um quebra-cabeça que acompanha a obra. Essa pode ser uma ótima maneira de apresentar a narrativa aos pequenos.

Coleção O mais completo guia – que tal saber mais sobre a natureza, sobrevivência extrema ou como explorar o mundo? Esta coleção levará para aventuras incríveis crianças a partir dos oito anos.

“Meu primeiro livro de confeitaria” – quer aprender a fazer bolos e doces muito gostosos? Neste livro, crianças a partir dos oito anos poderão aprender a fazer guloseimas juntos com os amigos. São 12 receitas ente muffins, alfajores, cookies e outras delícias.

“Gaturro Grandão” – publicado em mais de 15 países e em 4 idiomas, o Gaturro consegue ser engenhoso, mordaz, inocente e adorável ao mesmo tempo. Voltado para crianças a partir de 8 anos, a obra traz histórias em quadrinho de maneira muito divertida.

Acima de 8 anos

Coleção Montando Biografias – esta coleção apresenta às crianças quatro personalidades que mudaram o mundo com suas invenções e criatividade. Antoine de Saint-Exupéry, Audrey Hepburn, Jacques Cousteau e Nikola Tesla têm títulos que contam mais sobre suas vidas, e vêm acompanhados de um quebra-cabeça cada, com 300 peças.

Coleção Desenhe Moda – que tal apresentar às crianças o mundo da moda e criação? Com os títulos “Desenhe moda de fantasia”, “Desenhe moda em papel” e “Desenhe moda vestidos de festa”, os pequenos poderão explorar a criatividade e criar peças exclusivas. Cada título oferece orientações de como criar as peças em tamanho miniatura, além de virem acompanhados de recursos como papéis e lantejoulas para as criações.

Os livros mencionados estão disponíveis nas principais livrarias do país, em lojas físicas e online. Além disso, a Catapulta Editores está com um canal de vendas direto pelo WhatsApp para auxiliar papais e mamães com os pequenos, em casa, no período de isolamento social. Confira no link: https://wa.me/5511943242586

Livros interativos são tendência

A diretora da Catapulta Editores explica sobre a importância dos títulos no aprendizado infantil. O livro tem papel fundamental na educação e desenvolvimento das crianças. O crescimento do mercado literário faz com que as editoras lancem, cada vez mais, títulos com diferentes propostas de interação.

A proposta de entreter as crianças, enquanto elas aprendem com o livro é uma das que têm boa aceitação entre os pequenos. “Muitos dos títulos paradidáticos e didáticos são interativos, ao mesmo tempo que ajudam no desenvolvimento da criatividade e da compreensão”, explica a diretora da Catapulta Editores no Brasil, Carmen Pareras.

Interação e recursos sensitivos fazem com que os pequenos se interessem mais pelos títulos. Pareras comenta sobre a separação por faixa etária de cada obra, que contribui para o desenvolvimento das crianças. “Em cada idade, os pequenos precisam de determinados estímulos e apresentam respostas específicas. Pensar em conteúdo de acordo com a faixa etária permite trabalhar melhor a imaginação da criança”, acrescenta a diretora da Catapulta Editores no Brasil.

Continue lendo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *