“O abraço das cores” em destaque

Editora Miguilim e Livraria da Rua fazem homenagem às suas autoras no Mês da Mulher

 

 

Durante o mês de março, que é dedicado às mulheres, a Editora Miguilim está homenageando as suas autoras presentes num extenso e rico catálogo literário, que você pode consultar e comprar através do link www.editoramiguilim.com.br.

Se quiser conhecer mais profundamente cada uma dessas obras sugiro ir à Livraria da Rua para folhear os livros e conversar com os atendentes sobre as autoras destacadas pela Miguilim. O endereço da livraria é Rua Antônio Albuquerque, 913, Savassi, Belo Horizonte.

A Livraria da Rua é também onde funciona a editora, mas vendendo e lançando livros de todas as editoras brasileiras. Além disso é um ambiente pleno de arte, música e uma cafeteria completa.

 

Livraria da Rua, em Belo Horizonte, onde também funciona a Editora Miguilim. Ambas são capitaneadas pelo editor Alexandre Machado – Foto: Divulgação

 

“No mês de março, mês da Mulher, vamos homenagear e compartilhar com vocês algumas de nossas autoras, algumas porque são muitas e são brilhantes: autoras, escritoras, ilustradoras, mulheres, profissionais talentosas que enriquecem nossas vidas com suas obras, suas vivências e histórias.” Assim define a Miguilim no seu espaço @editoramiguilim, do Instagram, onde são postadas mensagens para as autoras e obras.

 

 

 

 

 

 

 

              “O abraço das cores”

O post do dia 3 de março foi referente a mim, Rosa Maria Miguel Fontes, e ao meu livro “O abraço as cores”. Você pode conferir texto e imagens no link https://www.instagram.com/p/CL9-fobjVHa/?fbclid=IwAR3TvFzYS32R7Bsg4BBcQpvAvtDi7yiIf3-3l_J3TbDywuc1WgvgQcCW1_Q

“Se você já ficou roxo de fome, vermelho de raiva, amarelo de medo ou branco de susto, etc vai entender perfeitamente os sentimentos das cores num dia de muita agitação na vida delas. Que confusão! O dia mal acabou de nascer e as cores já começaram a brigar. Tudo por causa do vermelho que gosta muito de aparecer e acordou de mal humor, concluiu Camila, personagem da história.”

“Mas tudo mudou quando a natureza ficou triste e derramou lagrimas, obrigando as cores a se unirem em um abraço. O livro apresenta para o público infantil as cores do arco-íris, os problemas de relacionamento e as virtudes da amizade e da união.”

Camila Fontes Fialho, com seus lápis coloridos, inspirou a criação de “O abraço das cores”

A narrativa está baseada na observação da autora em relação aos hábitos de sua sobrinha Camila Fontes Fialho, a quem dedicou o livro. A menina começava o dia com lápis de cor e folhas nas mãos pronta para desenhar e colorir.

Do hábito da menina gostar de colorir e sua interação com os lápis, surgiu “O abraço das cores” que trata de relacionamento, convivência, cotidiano, tolerância, amizade, relações familiares, olhar infantil, brincadeira, fantasia e realidade.

Ainda no post realizado no Instagram sobre o livro, a Miguilim explica:

“A autora de “O abraço das cores” é nossa querida Rosa Maria Miguel Fontes (@rosinhamariafontes), que nasceu em Belo Horizonte e, desde a infância, criava personagens e escrevia histórias que eram contadas por suas professoras nas salas de aula. Foi até premiada em um concurso escolar de âmbito nacional.”

“Rosa Maria é jornalista formada pela UFMG. Iniciou suas atividades profissionais como apresentadora de TV, produtora e locutora de rádio nos Diários Associados e durante 11 anos foi editora de informática do jornal Estado de Minas. Atualmente, dedica-se à produção literária dirigida às crianças e é editora do blog www.contaumahistoria.com.br.

“No livro, Rosa Maria apresenta para o público infantil as cores do arco-íris, os problemas de relacionamento e as virtudes da amizade e da união. Além de “O abraço das cores” esta super profissional também publicou pela Miguilim o livro “Hikôki e a mensageira do Sol”.

“O abraço das cores” foi ilustrado por Nelson Tunes, ganhou versão em espanhol, tem 44 páginas e custa R$46,00.

A editora

A Miguilim aposta na riqueza da imaginação, no valor estético e sociocultural dos livros e nas infinitas possibilidades da arte literária. Criada em 1980, teve papel importante na publicação literária no Brasil e reuniu alguns dos principais educadores, escritores e artistas da época. Desde 2010, com novo olhar, o compromisso da editora continua com a qualidade, o prazer da leitura e a formação de leitores.

Lançamentos e reedições são produzidos com projetos gráficos bem cuidados, valorizando trabalhos de novos autores, ilustradores e a diversidade de temas. A Miguilim acredita na educação através da literatura e da imaginação.

Segue desenvolvendo sensibilidades, espalhando o amor pela leitura e encantando crianças, jovens e adultos. Ampliando seu alcance literário e artístico, a editora aposta em novos selos para publicações direcionadas ao público adulto, aos quadrinhos, à fotografia, arquitetura e gastronomia.

#diainternacionaldamulher #mesdamulher #mulher

#autorasnacionais

#editoramiguilim #livros #literatura

#literaturanacional #literaturabrasileira

#livrodepresente #euamoler #euamolivros

#literaturainfantojuvenil #livroeducação

Continue lendo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *